Seja bem vindo ao Olympic Chronicles! O fórum baseado na série Percy Jackson e os Olimpianos, de Rick Riordan.
 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
About

E se os deuses do Olimpo estivessem vivos em pleno século XXI? E se eles ainda se apaixonassem por mortais e tivessem filhos que pudessem se tornar heróis? Segundo a lenda da Antigüidade, a maior parte deles, marcados pelo destino, dificilmente passam da adolescência. Poucos conseguem descobrir sua identidade. Os que realizam essa "façanha", por sua vez, são mandados para um lugar especial: O Acampamento Meio-Sangue, um campo de treinamento, o lugar mais seguro para uma criança semi-deusa, .
Ou pelo menos era, até Cronos começar a planejar sua volta.
O Titã está recrutando novos montros, colocando o mundo em perigo. A profecia está prestes à se cumprir, e Cronos tem um trunfo - ou finge ter - em seu poder : A Caixa de Pandora, feita por Hefesto, e que contém todos os males do mundo.

Escolhas serão feitas, partidos serão tomados. E, o mais importante: a profecia será realizada. 

Melhor visualizado em Internet Explorer

Staff

Ayla

Karol

Luisa
Spotlight

Boy
Boy- noname
lololol


Girl
Girl- noname
lololol


Couple
Couple- noname
lololol


RP
RP- noname
lololol


Post
Post- noname
lololol


Player
Player- noname
lololol
Partners

Para se tornarnosso parceiro, logue coma conta Parcerias e a senha partners, e envie uma MP para Chaos com o button e o link do seu fórum, além de seu MSN. Entraremos em contato.





Fórum CentralAvalonPrisma - a Hogwarts RPG

Compartilhe | 
 

 Scarlet Veronique - Ares'

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Chaos
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 176
Data de inscrição : 17/03/2009

MensagemAssunto: Scarlet Veronique - Ares'   Seg Jun 15, 2009 6:43 pm

Dados do Player:

Nome do player: Dahi
Comunicadores/E-mail:dlindamattos@hotmail.com
Idade:18
Personagens (cite, inclusive, suas espécies):x

Dados do Personagem:

Nome: Scarlet Veronique
Data de Nascimento: 04/08/1990
Idade: 19 anos
Local de Nascimento: Washington DC
Filiação (pai ou mãe olimpiano): Ares

Características Psicológicas: Em geral, para descrever Scarlet, a primeira palavra que vem a cabeça para seus conhecidos é “Agressiva”. Bem, o adjetivo não é empregado em vão. E ela não é só agressiva psicologicamente. Ela é literalmente agressiva. Então, se você não quer sair de olho roxo ou com um nariz quebrado, não pise no calo dela. Definitivamente o antônimo de dócil, ela é aventureira, insensível, maliciosa e extremamente arrogante. Tem sempre uma boa tirada na ponta da língua e não deixa nada que é do seu interesse passar. Consegue tudo o que quer, independente do que seja; e quando as exceções não a deixam realizar o feito, ela passa por cima da melhor forma que consegue. Odeia parecer “fofinha” ou uma garota Barbie para os outros, apesar de seu estilo ousado e sempre arrumado. Aprendeu a ser vaidosa devido a sua criação. Raramente é vista sem estar bem produzida, maquiada e com uma de suas centenas de botas. Ela é relativamente maldosa e bastante corajosa (além de MUITO direta e determinada). Na realidade, essa coragem já a colocou em poucas a boas, mas a impulsividade é realmente um de seus piores defeitos. Poderia vir a ser uma qualidade; mas não no caso dela. Ela não pensa em nada antes de fazer algo. Simplesmente faz e só depois “descobre” as conseqüências. Assim é com a coragem. Apesar disso, não costuma se arrepender do que faz. A vida é uma aventura pra ela e Scarlet só quer se divertir. Muito entretanto, não obstante a sua pouca idade, Scarlet não é nada infantil. Suas reuniõezinhas com os amigos da alta roda às vezes ultrapassavam até o Sexo, drogas e o Rockin Roll. Já provou de praticamente tudo o que esse tipo de coisa oferece e, apesar de ter a cabeça no lugar, costuma dar suas escapadas e perder completamente o juízo. Odeia que subestimem ou lhe dêem regras, apesar de que sabe muito bem se portar e elegância é algo que não falta nela. É sincera com seus amigos e os defende com unhas, dentes, punhos, pontapés e joelhadas. O difícil mesmo é conquistar sua amizade; afinal, não é nada fácil lidar com um gênio desses. Ela não simpatiza rapidamente com alguém, mas é extremamente leal quando o faz.

Características Físicas: Morena, relativamente alta, olhos castanho âmbar e aparência atraente. Costuma ter uma postura sempre ereta, orgulhosa.

Artista Utilizado: Vanessa Hudgens



Biografia:

Scarlet nasceu num dia ensolarado de agosto. Sua mãe, Amelia, era descendente de franceses, e obcecada por filmes clássicos. Então, quando viu que teria uma filha, o primeiro nome que veio a cabeça da loira foi Scarlet.

Sim. Exatamente como Scarlett O’Hara, de ...E o vento levou. Amelia queria que a filha fosse forte como a personagem que admirava. Sem dúvida, ela estava correta.

Amelia Veronique não sabia muito sobre o pai de sua filha. O que eles tiveram pode ser descrito como um ‘romance de verão’. Nem isso, talvez. Se conheceram num bar, enquanto Amelie, uma recém-formada em veterinária, estava celebrando a formatura com as amigas.

Saíram algumas vezes, e, no final do verão ele foi embora, deixando Amelie grávida. Ela ficou super feliz quando o obstetra anunciou que ela esperava uma menininha, e começou a comprar o enxoval. Quando a morena nasceu, Amelia ficou com lágrimas nos olhos.

Ela criou Scarlet da melhor forma que podia – ou da melhor forma que uma mãe solteira pode criar uma criança com instintos destrutivos, mesmo tendo uma situação financeira... agradável. Não demorou muito para que a moreninha fosse considerada hiperativa, e diagnosticada com déficit de atenção. Mesmo assim, Scarlet teve uma infância feliz. Simples, mas feliz. Ao menos, até ela completar onze anos e começar a se dizer perseguida por uma mulher “com as pernas de bronze”. Mal sabia ela que se tratava de uma empousa, a criatura grega em que as lendas de vampiros foram inspiradas.

Quando Scarlet percebeu, estava fugindo para Long Island, para um lugar que o ruivinho de sua classe de inglês chamara de “Acampamento Meio-Sangue”. A menina ficou realmente surpresa quando descobriu que ele era metade bode. David – era esse o nome do sátiro – explicou a ela tudo o que Scarlet não entendera sua vida toda.

Amelia prometera a filha que a levaria até o Acampamento, junto com o garoto-bode. Chovia, e a mulher loira estava apreensiva. Sabia que sua filha corria perigo, e, apesar de no início achar tudo aquilo loucura, começara a admitir que muita coisa que David explicara fazia sentido. Isso queria dizer que o homem com quem ficara há mais de uma década, era um deus. Amelia sentiu cada uma das suas crenças caindo por terra. Quando criança, foi educada dentro do catolicismo, e praticava a religião. Então tudo aquilo que lhe foi ensinado era mentira? Um só Deus, com o poder absoluto, não era real?

Engoliu em seco, sentindo lágrimas despontarem dos olhos.

- Mamãe? Você está bem? O que houve? – ouviu a voz da menininha soar, e sua cintura foi envolvida desastradamente por dois bracinhos.

Amelia sorriu.

- Sim, querida. Volte para seu lugar e ponha o cinto, por favor. – pediu, sorrindo para a menina.

Scarlet arregalou os olhos de pavor.

- Aquela não é...

- A empousa! – o sátiro concordou. – Cuidado, Sra. Veronique!

Contudo, já era tarde demais. O monstro ruivo subiu no telhado do carro e rugiu, furiosa.

- Parabéns! – disse, em voz debochada. – Conseguiu chegar a 200m da Colina.

A empousa quebrou o vidro dianteiro, e Scarlet gritou. Amelia perdeu o controle do carro, que capotou.

A menina sentiu o cheiro de sangue.

- NÃO! – ela rosnou, ao ver a quantidade de líquido escarlate que saía de sua mãe. – OLHA O QUE VOCÊ FEZ!

- Scarlet... – David murmurou, num estado semi-consciente. – Passe do pinheiro. E tome... – ele entregou a ela uma faca, que reluzia com uma luz fraca.

Bronze celestial.

A morena surpreendentemente ilesa correu na direção da árvore, lágrimas misturando-se as gotas de chuva, enquanto ela corria para salvar sua vida.

- Onde você pensa que vai, filhote de deus? – cantarolou o monstro, e Scarlet congelou.

A empousa estava a frente dela, deslumbrante. Os cabelos ruivos contrastavam com a pele de mármore, e os olhos verdes estavam cravados na menina, um brilho sinistro neles. Os lábios rubros estavam torcidos num sorriso, e naquele momento o monstro achou que tinha finalmente conseguido pegar a garota.

Mas Scarlet saiu do transe, e fechou o punho no entorno na faca, e, num movimento rápido e feroz, espetou-a no peito do monstro, que se desintegrou em chamas.

Respirando com dificuldade, e com as pernas tremendo devido a descarga de adrenalina, Scarlet transpassou a barreira mágica do Acampamento.

***

A partir daí, podemos dizer que a coisa desandou.

A morte da mãe deixou uma marca mais do que profunda em Scarlet, que se tornou o clichê da garota rebelde. Com os olhos sempre marcados de preto, um sorriso sacana no rosto e um histórico e personalidade que a precediam, a filha de Ares (ela foi determinada uma semana após sua chegada ao Acampamento) mais revoltada de que se tem notícia era temida e respeitada por todos. Qualquer um já ouvira falar nas loucuras que a morena fazia fora do Acampamento – coisas que é melhor nem se comentar aqui. Alguns desses rumores eram somente isso, rumores, contudo, uma parte considerável era verdade ou não passava muito longe da verdade.

Pode-se resumir Scarlet Veronique na seguinte expressão: sexo, drogas e rock’n’roll.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://olympicchronicles.forumeiros.com
 
Scarlet Veronique - Ares'
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» CD Ares do baixista Ronaldo Saggiorato

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Olympic Chronicles :: Acervo de Biografias :: Biografias . Meio-sangues-
Ir para: