Seja bem vindo ao Olympic Chronicles! O fórum baseado na série Percy Jackson e os Olimpianos, de Rick Riordan.
 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
About

E se os deuses do Olimpo estivessem vivos em pleno século XXI? E se eles ainda se apaixonassem por mortais e tivessem filhos que pudessem se tornar heróis? Segundo a lenda da Antigüidade, a maior parte deles, marcados pelo destino, dificilmente passam da adolescência. Poucos conseguem descobrir sua identidade. Os que realizam essa "façanha", por sua vez, são mandados para um lugar especial: O Acampamento Meio-Sangue, um campo de treinamento, o lugar mais seguro para uma criança semi-deusa, .
Ou pelo menos era, até Cronos começar a planejar sua volta.
O Titã está recrutando novos montros, colocando o mundo em perigo. A profecia está prestes à se cumprir, e Cronos tem um trunfo - ou finge ter - em seu poder : A Caixa de Pandora, feita por Hefesto, e que contém todos os males do mundo.

Escolhas serão feitas, partidos serão tomados. E, o mais importante: a profecia será realizada. 

Melhor visualizado em Internet Explorer

Staff

Ayla

Karol

Luisa
Spotlight

Boy
Boy- noname
lololol


Girl
Girl- noname
lololol


Couple
Couple- noname
lololol


RP
RP- noname
lololol


Post
Post- noname
lololol


Player
Player- noname
lololol
Partners

Para se tornarnosso parceiro, logue coma conta Parcerias e a senha partners, e envie uma MP para Chaos com o button e o link do seu fórum, além de seu MSN. Entraremos em contato.





Fórum CentralAvalonPrisma - a Hogwarts RPG

Compartilhe | 
 

 Thomas Trachtenberg - Athena's

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Nyx
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 154
Data de inscrição : 17/06/2009

MensagemAssunto: Thomas Trachtenberg - Athena's   Ter Ago 25, 2009 7:09 pm

Dados do Player:


Nome do player: Hannah (ou pra karol que me conhece como mikan o/ tantofas)
Comunicadores/E-mail: hannahcori (MSN) british.candy (YIM e email)
Idade: 16
Personagens (cite, inclusive, suas espécies): Claire Bee (Afrodite) e Gustave Aldenth (Deméter) meio sangues, e Deméter, diva deusa.

Dados do Personagem:





Quem; Thomas Trachtenberg

Quando; Dois de julho. Geminiano.

Quanto; Dezenove anos.

Onde; San Francisco

Filho; Atena.

Personalidade; Às vezes é tímido, doce e quieto. Nas outras vezes pode ser um tanto ignorante, mas isso quando ele está tendo um bad hair day. Na verdade, tenta ser o mais gentil possível, além disso não faltando com educação. Atencioso e curioso com quem o interessa. Não desiste fácil e não se rende também, não mede esforços para o que quer. Com pessoas ele não força a barra e as vezes acha o silêncio o seu melhor amigo. Resumindo, fofo, amigável, gentil educado, romântico, justo e leal.

Físico; Cabelos loiros, jogados pro lado, olhos azuis, e as vezes um sorriso lindo. Cof, corpo marromenos forte marromenos magro, e alto.

Representação; Lucas Till

O que você faz quando está entediado? Digo, eu tenho certeza que você não faz filhos e os larga no mundo. Não acusando ninguém, óbvio.

Biografia:

Entrara mais um em um orfanato de San Francisco. Childrens of the World era muito lotado, e os diretores do mesmo não queria aceitar mais um em seus domínios, mas aquela criança tinha os cabelinhos loiros e olhos tremendamente claros; Seria ou não seria fácil aquela criança ser adotada? Mas foi somente Brandy Hudson e Carl Trachtenberg, que chegaram em primeiro, que adotaram Thomas. Brandy, ao me ver, queria que eu de qualquer jeito fosse com ela. . Ela tinha vontade de me apertar, apesar de ser um bebê, justamente por eu ser um simples bebê parecido com ela.

No final das contas, o casal me adotou.

Eu realmente não sei o que ãããn... Bem, vamos começar pelo começo, está bem? Me chamo Thomas Trachtenberg, mas todos me chamam de Tommy. Cresci - pois não posso afirmar que de fato nasci em San Francisco - com meus pais adotivos. Brandy era muito mais atenciosa do que Carl, já que ele era promotor de justiça, e muitas vezes acabava viajando para outros países da América ou do exterior. Minha mãe, sempre foi uma dona de casa bem equipada: sabia fazer mil e umas coisas ao mesmo tempo, além de cozinhar e limpar a casa. Ela nunca pôde ter filhos, e quando me adotou, tinha certeza que eu era o filho que ela sempre quis.

Isso às vezes desaponta-nos. Não basta tirar notas A+ e entrar para a equipe de ciências, mas ser educado, gentil e cordial. Um dos princípios básicos: ter respeito. Mas não se tem muito respeito quando alguém te abandona e, mesmo que tiver "olhando" por você, te larga em um orfanato qualquer. Mas, se eu me colocasse no lugar dos meus pais, eu nunca teria feito isso. Mesmo que eu fosse um deus olímpico. Ah sim...

Quando eu tinha treze anos, eu tinha um amigo chamado Holden. Ele era esquisito, e tudo mais. Fiquei com mais medo ainda quando ele me disse que eu tinha que ir para um acampamento e ir embora com ele. Abandonar minha família. E foi, alguns dias depois que encontrei ele, eu vi meu tio. Era um cara, com uma moto enorme, com olhos de fogos. Coisas de Hollywood, e diria que aquilo era uma pegadinha no exato momento. Ele exclamou "ah, se não é o meu sobrinho". Bem, isso foi muito... incomum. Um cara te "corta" e fala que eu era o sobrinho dele.

Holden me explicou sobre os deuses, e de início, era totalmente... trick. Ele devia ter batido com a cabeça, ou ele era um cara louco e esquisito que era assim por fora e por dentro. Ou era só mais um zuando o disléxico aqui. Keeping. Holden tecnicamente investiu nessa história durante uns 2 anos. Nesses anos eu não conseguia admitir que a garota mais popular da escola, o treinador do time de futebol, e o líder dos nerds eram todos monstros. Até eu realmente perceber - e matar - cada um desses. Meus pais acharam um absurdo, tudo que Holden os contava, e se mudamos para Freeland, Pensilvânia. Tive que estudar na MMI Preparatory School por 4 anos, até as coisas se acertarem em San Francisco. Voltamos para Califórnia, e meu pai recebeu uma carta. Da minha mãe biológica.

Sei que é difícil acreditar. Ele é um meio sangue, filho de uma deusa grega - eu.
Thomas precisa ir para o Acampamento meio-sangue para não ser atacado por mais monstros.
Seja compreensível, entenda que ele não é um jovem comum.
Ele é especial.

Mãe biológica de Tommy.


Comentários de off: tenho quase certeza que minha mãe não queria que eu soubesse quem ela era.

Meu pai teria rasgado no mesmo instante se Brandy não tivesse arrancado de suas mãos quando terminara de ler. Ela entendeu que precisava conversar com Holden e ouvir sua história de novo. Voltei para procurar Holden e explicar o caminho, que no final das contas, fui de avião com o próprio... bode. É, Holden era um sátiro que tinha que me levar a tempo a não ser atacada por um monstro. Bem, esquece o fato de que quando desembarcamos Holden matou uma enorme hidra, ok?

Foi tudo que eu... não pensava. Haviam campos de morango nos lugares de arames farpados, um lago límpido em vez de barros lamaçentos, e um sol radiante invés de chuvas e um tempo nebuloso. Diria que o único que eu esperava era o "carismático" senhor D. Nos meus primeiros dias... eu... consegui acertar no arco e flecha. Quer dizer, acertaram minha camiseta no arco e flecha, e olha que foram as bronzeadas filhas de Apolo. Digo, tenho uma em especial.. não que me chamasse a atenção. Mas Helen é muito boa no que faz.

Nos primeiros dias, tive contato com a minha mãe. Ainda não sabia direito que a mulher de cabelos loiros era minha mãe. Atena, deusa da sabedoria, era minha mãe. Disse que, apesar de tudo, gostava de mim, e de meus irmãos. Meu pai tinha morrido por um acidente com uma arma, e que não sabia o que fazer comigo. Ela achou que eu estaria protegido com outra família, e assim, melhor para mim pois não teria muitos problemas. Errado, pois eu - e nem ela - mal podia imaginar que a garota mais popular da escola, o treinador do time de futebol, e o líder dos nerds eram todos monstros. Mas, ela sumiu, e essa foi a última vez que falei com ela, no ano passado.

Fiquei um verão no acampamento meio sangue, já que meu pai foi transferido para Londres, e desse jeito eles passariam a morar no interior e meu pai em Londres. Eles estavam quase se separando, e desse jeito, minha se mudou para Wiltshire e meu pai ficou na capital, trabalhando. Fiquei o inverno com ela, no interior, em uma pequena escola local. Isso me faz feliz, como eu estou me sentindo agora, indo por mais um verão no acampamento meio sangue.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://olympicchronicles.forumeiros.com
 
Thomas Trachtenberg - Athena's
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Thomas Schick
» Thomas Kaulitz ou Tom Kaulitz?!
» oo verdadeeiro nome doo Bill
» Thomas! Sing! This is the moment!
» Ann Kathrin e Tom(safadinho)Kaulitz

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Olympic Chronicles :: Acervo de Biografias :: Biografias . Meio-sangues-
Ir para: